Luva de Látex e Neoprene Laranja Super Reforçada - Volk (12 Pares) | CA - 16311

CA 16311 - Validade: 01/10/2025
R$ 128,23
VCH - IMPORTADORA, EXPORTADORA E DISTRIBUICAO DE PRODUTOS LTDA
ASTRO DISTRIBUIDORA

*Oferta válida até 08/10/2022 ou enquanto durarem os estoques.
**O preço informado é de responsabilidade do lojista e pode sofrer alterações sem aviso prévio


A Astro traz mais uma solução em luvas de proteção. Conheça, a seguir, as especificidades da Luva de Látex e Neoprene Laranja Super Reforçada Volk: 


Características da estrutura


 - Confecção em látex natural, reforçada com blenda de neoprene, revestimento interno em flocos de algodão; 


- Acabamento antiderrapante na face palmar e ponta dos dedos;


- Comprimento: 30cm;


- Espessura: 0,70mm;


- Formato anatômico;


- Estrutura sem suporte têxtil;


- Punho reto;


- Grip estilo colmeia.


Contra quais riscos a Luva de Látex e Neoprene Volk protege?  


De acordo com o Certificado de Aprovação 16311, este modelo de luva protege as mãos do usuário contra os seguintes riscos: 


 - Mecânico, conforme  EN 388;


- Térmico, conforme EN 407;


- Químico, conforme EN 374. 


Para quais trabalhadores a Luva de Látex e Neoprene Volk é indicada? 


Trazendo todas as características citadas, este item de proteção é indicado para os trabalhadores de indústrias alimentícias, químicas, frigoríficas, saneamento básico (ETE/ETA), serviços de conservação e limpeza, jardinagem e paisagismo, agricultura, construção civil, indústria metalmecânica e automotiva. 


Para ter o melhor em equipamentos de segurança, conte com a Astro.


 

PROTEÇÃO DAS MÃOS DO USUÁRIO CONTRA AGENTES ABRASIVOS, ESCORIANTES E CORTANTES, CONTRA AGENTES TÉRMICOS (CALOR DE CONTATO) E CONTRA AGENTES QUÍMICOS (ÁLCOOIS PRIMÁRIOS (A), CETONAS (B), COMPOSTOS DE NITRILA (C), ENXOFRES CONTENDO COMPOSTOS ORGÂNICOS (E), AMINAS (G), BASES INORGÂNICAS (K), ÁCIDOS MINERAIS INORGÂNICOS (L), ÁCIDOS MINERAIS INORGÂNICOS, OXIDANTES (M), BASES ORGÂNICAS (O), PERÓXIDOS (P) E ALDEÍDOS (T)).

I) O EPI obteve resultado de níveis de desempenho 2110A para BS EN 388, com valores variando de 1 (um) a 4 (quatro) para abrasão, rasgamento e perfuração e 1 (um) a 5 (cinco) para corte, sendo 1 (um) o pior resultado, em que: 2 - resistência à abrasão; 1 - resistência ao corte por lâmina; 1 - resistência ao rasgamento; 0 - resistência à perfuração por punção; A - resistência ao corte TDM (ensaio adicional previsto na norma EN ISO 13997, com valores variando de A a F, sendo F o melhor resultado). II) O nível "0" (zero) indica que o equipamento foi testado, mas não foi aprovado para o requisito testado. EPI NÃO APROVADO PARA O REQUISITO PERFURAÇÃO POR PUNÇÃO. III) O EPI obteve resultado de níveis de desempenho X2XXXX para a EN 407:2004, em que: X - propagação de pequenas chamas; 2 - calor de contato; X - calor convectivo; X - calor radiante; X - respingos de metais fundidos; X - grandes massas de metal fundido (ferro a 1400º C). IV) Os valores variam de 1 (um) a 4 (quatro), sendo 1 (um) o pior resultado. V) O código X indica que o EPI não foi ensaiado para a aplicação correspondente. VI) Luva de proteção química TIPO A. Níveis de desempenho apresentados para resistência à permeação, segundo a EN 374, com valores variando de 1 a 6, sendo 6 o melhor resultado: 2-Metanol; 2-Acetona; 2-Acetonitrila; 2-Sulfeto de carbono; 2-Dietilamina; 1-Tetrahidrofurano; 1-Acetato de etila; 6-Hidróxido de sódio 40%; 3-Ácido sulfúrico 96%; 5-Ácido Nítrico 65%; 6-Hidróxido de Amônio 25%; 6-Peróxido de Hidrogênio 30%; 6-Formaldeído 37%; VII) Para a seleção e correta utilização do equipamento, verificar o disposto no Comunicado XL, disponível no link "https://sit.trabalho.gov.br/portal/index.php/seguranca-e-saude-no-trabalho/comunicados-epi?view=default"

Ofertas Relacionadas